Minha História

Meu nome é Kalebe Dionísio, sou Oficial de Justiça Avaliador Federal, atualmente trabalho no Tribunal Regional do Trabalho no Estado de Pernambuco. Apesar da pouca idade (22 anos) considero-me um concurseiro bastante experiente.

 

Comecei minha jornada aos 17 anos, desde lá estudei intensamente e já realizei concursos em todo o Brasil. Quando  fiz meu primeiro concurso acreditei que iria passar. Apesar de ter começado a estudar quando saiu o edital, eu tinha muita confiança que conseguiria.

"Amigos" meus me disseram que concurso era muito difícil e que tinha muita gente estudando há anos e por isso eu não teria chances de em apenas 3 meses conseguir a aprovação. Não sabiam eles que todas as vezes que duvidavam que eu conseguiria estavam me motivando bastante. Na ânsia de ser aprovado em um concurso e sem ter nenhuma pessoa que me orientasse, cometi vários erros que resultaram na reprovação em meu primeiro concurso.

 

Na época me inscrevi para dois concursos que iriam acontecer no mesmo dia, ambos de nível médio, pela manhã o TRF 5ª Região e no período da tarde o INSS.

 

Acontece que tive que estudar em 3 meses dois editais bastante diferentes, fui muito ingênuo, não tive ninguém que me ajudasse. Apesar de tudo, eu estava muito confiante que iria passar nos dois concursos. Na época eu estava esperando o resultado do vestibular de Direito da UFPB, estudava com dedicação exclusiva para esses dois concursos.

Fiz um cursinho pela manhã e estudava a tarde e a noite em casa. A consequência foi que apesar de não conseguir ser aprovado em nenhum dos dois concursos que fiz, tive ótimos resultados em ambos. No TRF 5ª Região errei 4 questões de um total de 60, o mesmo número de erros que o meu professor do cursinho que já era bacharel em Direito. Já no INSS eram 4 vagas e fiquei na décima colocação.

 

Dois concursos no mesmo dia, assuntos diferentes, bancas elaboradoras diferentes (FCC e CESPE), mas mesmo assim acreditava que seria possível. Não consegui ser aprovado, mas aqueles concursos foram o ponta pé inicial para uma longa caminhada que durou 5 anos até eu conseguir chegar no concurso que tanto almejava. O segredo foi a persistência, pois o fato de eu não ter desistido foi fundamental para minhas aprovações.

Vou resumir os 30 concursos que prestei através de uma tabela que fiz para acompanhar o meu desempenho e para registrar os meus resultados. Em destaque estão os 10 concursos em que fui chamado:

 

Todos os concursos realizados foram no âmbito federal. Desses concursos assumi primeiramente o Ministério da Fazenda (Receita Federal) onde passei quase um ano e três meses. Em seguida fui para o Ministério Público da União (Ministério Público Federal) onde permaneci durante dois anos e um mês. Hoje estou no Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região no cargo que escolhi e pretendo desempenhar.

 

Esta tabela tem o objetivo de mostrar que uma pessoa não deve desistir depois de obter maus resultados. Pois só fui aprovado dentro do número de vagas no meu décimo concurso. Então a transcrevi para mostrar que tive altos e baixos, mas o mais importante de tudo é que não desisti. Faça sua tabela e comece a registrar seus resultados e procure sempre melhorá-los.

Para encerrar não poderia deixar de mencionar o fato de eu ter sido nomeado para Oficial de Justiça antes mesmo de me formar em Direito na UFPB. Eu já vinha fazendo concursos de nível superior quando ainda cursava a faculdade, pois sabia que muitas vezes as nomeações demoravam a acontecer.

 

Resolvi ir para uma faculdade de Direito particular, pois lá eu poderia fazer um ano de curso em seis meses, coisa que eu não conseguiria na UFPB, pois a burocracia era muito grande. Consegui colar grau antecipadamente e quanto ao meu curso na UFPB só irei concluir em abril de 2013, pois houve um atraso decorrente da greve dos professores.

Não poderia encerrar sem agradecer primeiro a Deus, razão de todo o meu sucesso e sem Ele nada do que foi feito se faria, agradecer também a minha família e às pessoas que acreditaram e às que não acreditaram em mim, ambas tiveram uma relevância singular.

Começo agora uma nova história, mas dessa vez ajudando pessoas que sonham com a aprovação em um concurso público.

 

Boa Sorte a todos!!!

Kalebe Dionísio
Fui Aprovado



[PUBLICADO EM JANEIRO DE 2013]

Clique na imagem abaixo para conhecer o Guia Prático para Passar em Concurso Público em 1 Ano:

Approved Empreendimentos Digitais

CNPJ: 26.835.989/0001-­47

Suporte: contato@fuiaprovado.com

Termos de Uso  |  Política de Privacidade